Doces ou travessuras?

O blog da Breeze está em clima de Halloween, todos fantasiados  e pedindo doces ou travessuras é claro. Como de costume, não podemos deixar passar uma data tão divertida, e preparamos uma surpresinha para os nossos queridos leitores, nossas caricaturas fantasiadas. Cada membro da equipe caracterizado de algum personagem fictício.
Vampiro é um ser mitológico que sobrevive da essência vital dos humanos. O termo vampiro se tornou popular em filmes e livros. Autores mudaram um pouco da essência do vampiro, fazendo dele um herói combatendo outros vampiros maus. Minha intenção na hora de desenhar foi justamente o contrário, resgatar um pouco do antigo vilão vampiro lord que todos conhecem. minhas inspirações foram tanto o Drácula da série de jogos Castlevania, como o Drácula original e que todos conhecem. Não posso deixar de citar o temível Nosferatu.  Uma ótima  fantasia não é, Diego Maia?
Zumbi é uma criatura fictícia que aparece em livros e na cultura popular tipicamente como mortos reanimados. Até essa parte todos concordam, mas indícios de casos de zumbis surgiram na África. Os habitantes de pequenos vilarejos relatam que por obra de um bruxo e por meio do Vodu, mortos reanimados passam a ser controladas e se tornam escravos trabalhodores. O Zumbi se tornou popular em filmes, livros, jogos e seriados. Eu amo os Zumbis.
Hellen não é uma vampira, e sim uma Succubus. Succubus é um demônio feminino que através de…muito amor, rouba as energias vitais dos homens, Incubus é a versão masculina das Succubus. O termo Succubus é bastante popular em jogos de RPG, mas para a nossa Miss Hellen Oliveira, me inspirei na personagem de jogos de luta Darkstalker, Morrigan Aensland.
Já ouvi tantas histórias de noivas fantasmas, noivas cadáveres, que não pude deixar de lado, pois sempre achei macábro uma noiva-zumbi. Desenhei nossa querida Keite Soares como uma belíssima noiva cadáver, que quase não o vê seu amado, tudo culpa da rotina.
Em todo Halloween há uma bruxa, e não pode faltar uma bruxa em um halloween, não seria o mesmo. E para finalizar com chave de ouro, ela que é capaz de encontrar um palito em uma bolsa cheia de tupperware (por obra de feitiçaria talvez?), Mariane Caron como uma linda bruxinha. Sempre achei as Bruxas fantásticas e não exploradas como Vampiros e Lobisomens. Tá, tem Harry Potter…mas não é a mesma coisa.
Um ótimo Halloween e vão logo pedir doces ou travessuras.
Rodrigo Moraes