Scarpin Dourado

“A década passada foi das redes sociais. Nós próximos dez anos, nossa vida online vai ser regulada pelas redes de influência. Até agora, usamos a internet para criar conexões entre amigos, família e colegas de trabalho; de agora em diante, o mais importante não é a conexão em si, mas o valor de cada pessoa nas redes sociais. Agora que todo mundo está conectado, o passo é saber quem são as pessoas com poder de influenciar e colaborar com outras.” Essa frase é de Alessandra Lariu, uma brasileira que foi considerada a 29ª pessoa mais criativa do mundo em 2010 no ranking anual da revista americana Fast Company . Após isso, ela convocou uma amiga, Laura Jordan-Bambach e resolveram abrir sua própria empresa a She Says, que ela mesma definiu como um encontro de profissionais de saias, que conta hoje com mais de 3 mil mulheres de diversos países. A dupla bolou uma premiação The Golden Stiletto Awards para premiar os melhores trabalhos publicitários feitos com assinatura feminina. Na ficha de inscrição, é necessário informar o número do calçado, porque o prêmio é na verdade um mimo – um sapato dourado brilhante.
O objetivo de Alessandra agora é fazer da organização uma plataforma que aproxime marcas e boas idéias. Formada em Produção Editorial pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, ela não esconde a “nerdice” e é considerada uma decana do mundo digital, onde começou a dedilhar desde o começo dos anos 90. Em 1994, fez pós-graduação em Multimídia em Londres, onde iniciou sua carreira publicitária.
Estreou há pouco uma coluna na revista Info, publicada pela editora Abril e diz: “O mix entre o real e o virtual não tem mais fronteiras. Não existe mais marketing digital, e sim marketing para um mundo digital. Antes a interatividade estava na web, agora o mundo todo esta mais interativo. Acho fascinante o resultado disso.” Superconectada, Alessandra se tornou um guru dos geeks, ela é convidada para palestrar no mundo todo e vai desfilando por ai…com seu scarpim dourado.
Hellen Oliveira